Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Introdução

Os joanetes, medicamente conhecidos como hallux valgus, são uma das deformações mais comuns do pé, afectando significativamente a qualidade de vida das pessoas que deles sofrem. Esta doença é caracterizada pelo desvio do primeiro metatarso e pela formação de uma proeminência óssea no bordo interno do pé, o que leva a uma série de sintomas incómodos e dolorosos.

Etiologia dos joanetes

A formação de joanetes pode ser atribuída a múltiplos factores, os mais importantes dos quais incluem:

  • Predisposição genética: A estrutura óssea hereditária desempenha um papel crucial, com estudos que indicam que, se um progenitor tiver joanetes, existe uma elevada probabilidade de os seus descendentes também os desenvolverem.
  • Calçado inadequado: Sapatos estreitos, com biqueira estreita e saltos altos contribuem para a exacerbação desta doença.
  • Factores biomecânicos: Os desequilíbrios na distribuição do peso e as alterações na mecânica da marcha podem promover joanetes.
  • Condições médicas pré-existentes: Doenças como a artrite reumatoide podem acelerar o desenvolvimento de joanetes devido à inflamação das articulações.

Sintomas e diagnóstico

Os sintomas associados aos joanetes incluem dor, vermelhidão, inchaço e dificuldade em encontrar sapatos confortáveis. Estes sintomas são frequentemente agravados pela atividade física e pela utilização de calçado inadequado. O diagnóstico é feito por avaliação clínica e confirmado por estudos radiográficos que mostram o desvio do primeiro metatarso e a formação da proeminência óssea.

Tratamentos não cirúrgicos

Modificação do calçado

A escolha do calçado correto é essencial para aliviar a pressão sobre o joanete e reduzir os sintomas. Recomenda-se o uso de calçado com uma biqueira larga, um suporte de arco adequado e um salto baixo.

Órteses e protectores

A utilização de dispositivos ortopédicos, como separadores de dedos, almofadas para joanetes e talas nocturnas, pode ajudar a alinhar o dedo grande do pé e a reduzir a pressão sobre o joanete.

Fisioterapia

A fisioterapia, incluindo exercícios de alongamento e fortalecimento, pode melhorar a flexibilidade e a força dos pés, contribuindo para a estabilização da articulação afetada.

Tratamentos avançados

Intervenções cirúrgicas

A cirurgia do joanete é considerada quando os tratamentos conservadores não aliviam a dor ou quando a deformidade é grave. Existem várias técnicas cirúrgicas, que são seleccionadas de acordo com a gravidade da deformidade e as condições individuais do doente.

Terapias complementares

A acupunctura e a reflexologia, entre outras terapias alternativas, demonstraram ser eficazes na gestão da dor e da inflamação associadas aos joanetes, complementando os tratamentos médicos convencionais.

Prevenção

A prevenção dos joanetes inclui uma seleção cuidadosa do calçado, exercícios específicos para fortalecer os pés e uma consulta precoce com um especialista aos primeiros sinais de deformidade.

Conclusão

Os joanetes representam uma patologia complexa que requer uma abordagem abrangente do tratamento. A combinação de tratamentos conservadores, juntamente com intervenções avançadas quando necessário, pode oferecer um alívio significativo e melhorar a qualidade de vida das pessoas afectadas. É essencial tratar esta condição de forma proactiva para prevenir a sua progressão e as complicações associadas.

Leave a comment